Você como representante comercial, responda: Qual a melhor maneira de viajar?

Provavelmente você deve ter respondido: Depende das circunstâncias!

E essa é exatamente a resposta, pois para um representante comercial viajar de carro, avião, ônibus, grupos de carona ou qualquer outra forma, vai depender muito de alguns critérios.

Por isso hoje, você vai conhecer alguns pontos sobre os principais tipos de locomoção, para ajudar na hora de decidir como será a sua próxima viagem a trabalho!

Acompanhe e descubra!

Viajar de carro a primeira opção!

Sem pensar muito, a primeira opção que vem a cabeça na hora de viajar a trabalho é o carro, mas você já parou para pensar e colocar na ponta do lápis quais são os gastos com esse transporte?

Sim porque não é só o combustível que é necessário entrar na lista de gastos, é preciso pensar também:

 

  • Desgaste do automóvel.
  • Seguro.
  • Tempo de percurso até o cliente.
  • Como você estará após toda a viagem.
  • E claro no valor do combustível!

 

Contudo, sempre vale lembrar que viajando com seu próprio veículo, existem algumas vantagens que jamais devem ser desconsideradas.

Alguns exemplos são:

 

  • Flexibilidade de horários.
  • Transporte de mostruário, produtos a pronta entrega, entre outros.
  • A possibilidade de fazer novas visitas pelo caminho.
  • A facilidade de mudar o percurso, se for necessário.

 

Ou seja, existem prós e contras que devem ser criteriosamente analisados e apontados em um planejamento tanto financeiro, quanto de tempo para entender onde a banca pesa mais!

Viajar de avião!

Se você atende regiões distantes, muitas vezes se faz necessário realizar a viagem de avião, contudo, essa não é uma viagem das mais baratas, por isso coloque na ponta do lápis antes de decidir.

Qual será o custo x beneficio de se fazer uma viagem de avião?

  • Qual tempo de percurso?
  • É possível realizar a mesma viagem de carro ou ônibus?
  • Há voos diretos ou terei que fazer escalas e pegar outro tipo de locomoção?
  • Qual será o gasto a locomoção já no local de trabalho?
  • O limite de bagagem excede?
  • Consigo cumprir todos os horários e voltar, ou preciso gastar com hospedagem?

Muitos pontos precisam ser observados, muitas vezes não há como ganhar em todos os requisitos, uma viagem pode ser mais breve de avião, contudo, você terá que reduzir o mostruário, ou então pode ir de carro, mas o tempo de percurso será triplicado.

Viajando de ônibus!

Nem carro e nem avião, resolveu ir de ônibus? Sem dúvida é mais barato que o avião (a não ser que consiga uma mega promoção), mas não tem a flexibilidade de percurso do carro, ainda assim entrega conforto, apesar de ter um tempo um pouco maior do que se a viagem fosse feita no seu próprio veículo.

E mais uma vez a questão? Quais são as suas necessidades?

  • O investimento financeiro para viajar de ônibus é bem menor.
  • Muitas empresas não cobram bagagem excedente.
  • É confortável.
  • No entanto, leva mais tempo para embarque e desembarque de passageiros.

Contudo, você precisa se programar para locomoção local, o que pode ser facilmente resolvido com aluguel de um carro ou por meio de um serviço de transporte individual local.

Quais são as prioridades!

  • Entenda, viajar é preciso, então qual recurso se encaixa melhor no seu perfil?
  • Qual tipo de transporte supre melhor as suas necessidades de locomoção?
  • Quanto você quer e pode investir do seu tempo e de suas finanças na sua viagem a trabalho?

O ideal é sempre pesquisar, analisar e entender quais são suas prioridades, necessidades e assim optar pelo meio de transporte mais adequado.

Seja bem-vindo e se precisar de uma equipe contábil assertiva para declaração de imposto de renda ou assessoria contábil como pessoa jurídica, entre outros, conosco você pode contar!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.